Pipoca - Amor de cão

Autora: Érica Falcão
Editora: Venatus
Publicado em: 2020
N° de páginas: 96


Que livro fofo! Você sente, por todo o decorrer da história! Amor pelo cãozinho, pelos amigos, família... O amor que a autora colocou ali!

Renata é uma menina sensível, inteligente, escreve histórias, tem um coração de ouro! Ainda, uma avó amorosa e companheira e uma mãe que está viajando a trabalho; um primo que adora pirraçar ela (que retribui, de brincadeira, sendo o seu melhor amigo, o Heitor), o melhor amigo dele e amigo dela Caio e a melhor amiga Mila. Claro que tem outr@s amig@s, escola, vizinhança... E, ainda, a instável Tonica.

As personagens tem seus nomes dados de acordo com pessoas que a Erica conhece ou conheceu, mais um carinho, um trazer para perto da autora! Rs. A Vovó Figueira, "arvore encantada" é mencionada logo de início, remetendo-me ao livro Nya. E dentre personagens importantes: Belinha (a gata do Caio), Marley (o cachorro Cocker Spaniel da Mila). Sem esquecer, jamais, do querido Pipoca.

Muito querido!!! Por todos - exceto pela Tonica que, aliás, também tem um bichinho, a Princesa (pinscher). Pipoca estava preso e, pior, com uma enforcadeira. Mas tinha o nome na coleira... Renata imaginava o que teria acontecido, se tinha sido largado...

Já ouviu falar de vitiligo? Pois, o Pipoca tem essa doença autoimune. A Érica sempre coloca questões nos seus livros. Um cãozinho discriminado (pela Tonica) por estar na rua aparentemente abandonado, sem ter raça e doente! Sempre há quem defenda o que é correto - e precisamos de mais pessoas assim! -, quem se importe!
"... Por que elas <as pessoas> são tão cruéis com os animais de rua que não fazem mal a ninguém? Se não querem ajudar, pelo menos deixem em paz quem queira cuidar deles!" - p.46
Sim, há o empecilho! Tonica fez a mãe agir por medo. É contagioso? O que mais o cão tem?... Tonica quer que o cachorrinho vá embora. E ela não era assim... Rê sente falta da amiga que foi.
A turma se empenha, trabalha, para por em prática uma ideia que tiveram e não direi qual é (Kkkk!) Para ajudar não apenas o Pipoca a ficar, mas aos animais sem abrigo. Criam, buscam, realizam... Cuminância: domingo, dia do aniversário da Renata!

Vocês precisam ler tudo o que idealizam e fazem! Precisam conhecer os dotes da vovó, sua personalidade sábia e carinhosa! Entender o porquê do nome Pipoca. Rs. Saber mais dele e da turma da Rê! Venha comemorar não só o aniversário dela, mas festejar "o respeito a todos os animais, independente de cor, raça e espécie"!

Pipoque, saiba do Manteiga... Apaixone-se!

(Sim, há vários temas transversais que podem ser abordados aqui! Ética, pluralidade cultural, saúde... Vamos promover a leitura! ;* )


Um abraço,
Carolina.

Nenhum comentário