Darkmouth

Darkmouth__
Autor: Shane Hegarty
Tradução: Barbara Belamoglie
Editora: Irado / Novo Conceito
Ano de publicação: 2017
Número de páginas: 336

"Elas estão chegando!
As Lendas (ou melhor, monstros aterrorizantes que se alimentam de humanos) invadiram a cidade de Darkmouth. Elas querem dominar o mundo.   Mas não entre em pânico! Finn, o último dos Caçadores de Lendas, vai nos proteger.
Finn tem doze anos, adora animais, não leva muito jeito para lutar; mas é muito, muito esforçado. E todos nós sabemos que ser esforçado é a melhor arma contra um Minotauro faminto, né?
Hum… Pensando bem, pode entrar em pânico.
Entre em pânico agora! Corra!"
Coitado do Finn!!.. Olhando assim, pelo descrito acima… Ele sabe o que deve fazer, é treinado para tal, lê nos livros/registros dos Caçadores, atualizado a cada Conclusão, acrescentando o nome do novo Caçador de Lendas. Mas na hora de colocar em prática… Ele não se sente preparado, não sabe se algum dia estará!

Darkmouth mapa.jpg 


Darkmouth é a última das Vilas Flageladas que ainda recebe portais do Mundo Infestado e, então, a profissão de Caçador de Lendas está… “em extinção”. Por que Darkmouth?!.. Aff!

41 gerações nas paredes do corredor subterrâneo… Duas molduras aguardando: a do Sr.Hugo, o Grande, pai do Finn; e a do Finn, ainda sem “sobrenome”, dado de acordo com feitos ou característica do caçador. (Bisavô: Geraldo, o Decepcionado. Avô: Niall Linguanegra - tentou conversar, argumentar com as Lendas... entender por que queriam vir para este mundo.) 

Finn questiona-se, sonha cursar veterinária, e ser periodicamente lembrado das façanhas do maravilhoso inventor-caçador-pai não ajuda o seu jeito desengonçado de ser… E sobreviver à escola...
“Uma coisa era ser diferente (…) Outra coisa era ser excluído depois de tentar proteger aquelas pessoas do medo de serem espancadas por uma criatura mítica.” p.28
A população está cada vez mais descontente por ser a única vila a ainda ter problemas com as Lendas, quer atribuir culpa, permanecer na ignorância… 

A pressão aumenta quando o pai é convidado para integrar o Conselho dos Doze - Finn ficará sozinho para proteger Darkmouth. Ele precisa “passar”, “formar-se”, Concluir. Precisa de três caçadas bem sucedidas.

Tentativas:
* 1ª Basilisco: um réptil estúpido e gordo com uma espécie de bico (p.32);
* 2ª Manticora: corpo de leão, asas curtas e largas de dragão, cauda de escorpião contornada por setas venenosas e a incapacidade de calar a boca (p.33);
* 3ª Minotauro: dissecado! - deixou para trás um… diamante?!? Não, corônio. 

Emmie... Ninguém vem para Darkmouth! Ela chega com o pai, Steve, transferido a trabalho. Quer saber do Finn, faz perguntas, quer adentrar a casa dos caçadores...Fazer amizade.

Ainda, não podemos esquecer que os Caçadores tem sempre um Reparador, alguém que ajuda a arrumar peças, conserta… mas não participa das caçadas ou assuntos dos Caçadores de Lendas. O do Hugo é um velho conhecido, o Sr.Glad.
Sim, a história envolve, a escrita é acessível, cativa. Angustiei-me com o Finn, duvidei, suspeitei, torci… Compreendo questionamentos e receios… Há mistérios a serem desvendados, visitas inusitadas, procura de mapa e o terrível retângulo de pergaminho na última página:



Convido a participar desta aventura, conhecer o Finn, seu pai caçador, sua mãe civil, Emmie e pai dela, o reparador, o sargento… a população, as Lendas... Enquanto umas assustam, o Hogboon Broonie...





P.S.: Só encontrei em inglês… Mas gostei, então… colocarei! Kkkk

Manticora…:
Basilisco…:
Minotauro…:

Nenhum comentário